6 de jan de 2012

Quimeras: agentes do juizo final


Macacos me mordam! Com a chegada do fim do mundo, era questão de tempo até as quimeras darem as caras (carinhas fofas, por sinal). Para você que cabulou a aula de literatura do primeiro ano do segundo grau e foi ao cinema assistir O Cavaleiro Didi e a Princesa Lili e não sabe o que é uma quimera, aqui vai uma explicação.

De acordo com o Oráculo Universal do Fim dos Tempos, vulgo Wikipedia, quimera é uma figura mística caracterizada por uma aparência híbrida de dois ou mais animais e a capacidade de lançar fogo pelas narinas, sendo portanto, uma fera ou besta mitológica. Eis um exemplo de presságio maia, com base no tema e colocado em forma de enigma para a cultura de massa:

"De quimeras mil um castelo ergui. E no teu olhar, tonto de emoção, com sofreguidão mil venturas previ."

Ou seja, a previsão do fim do mundo. As quimeras chegaram para queimar tudo! Não se iludam com a fofura destes macaquinhos! Em 21 de dezembro eles vão tacar fogo em tudo. E nós? Vamos nos dar as mãos. E esperar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário